Hospital do Câncer firma parceria para confecção de perucas

Tamanho da fonte do texto: Maior (A+) | Menor (A-)

No último dia 23, a diretoria do Hospital do Câncer de Patrocínio “Dr. José Figueiredo” firmou uma importante parceria com a empresa “Fio da Alegria”, sediada na cidade de Boituva, interior paulista e que trabalha na confecção e tecelagem de perucas masculinas, femininas e infantis. A parceria foi firmada diante da visita dos diretores e voluntários da Fio da Alegria, Eliane Cristina Alves de Oliveira e Adenilson Silva. Segundo a gestora Andreia Ribeiro de Almeida, a partir de agora, todas as doações de cabelos feitas ao Hospital do Câncer de Patrocínio, serão encaminhadas para a empresa, que vão confeccionar as perucas sob medida para todo e qualquer paciente da unidade de saúde patrocinense, que necessitem e queira utilizar o acessório.

Início

A história da Fio da Alegria começou a ser moldada em outubro de 2014, quando uma a neta do tecelão Benedito de Oliveira de nome Lorena, foi encaminhada ao hospital de câncer infantil Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil (GPAGI) da cidade de Sorocaba, para analise e exames de um pequeno nódulo. O fato foi um verdadeiro choque para a família, já que dois meses antes tinham perdido um sobrinho com leucemia no mesmo Hospital. Diante de atenção com que foram atendidos, com dedicação, eficiência e carinho por funcionários e voluntários, começaram a questionar como tudo era custeado? Ao conversar com a psicóloga Evalin de como a família poderia também auxiliar como voluntários descobriram que faltava o apoio para o fornecimento de perucas para aumentar a autoestima dos pacientes. Assim foi iniciado o processo de confecções e doação de perucas pela Fio da Alegria.

Segundo Eliane Cristina, “Os meus pais Benedito e Maria de Lurdes de Oliveira, que viviam com dores, causadas pelo stress, pressão alta e indisposição, hoje são cheios de forças e com muito mais saúde e disposição encontrados através desse trabalho voluntário e do reconhecimento social. A maior recompensa em ajudar o próximo tem rejuvenescido e mantido eles e a nos, ocupados na produção e entrega das perucas em vários hospitais do país”, ressalta Cristina. A garotinha Lorenna fez a cirurgia no dia 13 de janeiro desse ano para a retirada do nódulo, diagnosticado como benigno através da biopsia e desde então recebeu alta e está muito bem, comemora a família.

Doações

Andreia de Almeida acredita que com essa importante parceria firmada com a Fio da Alegria, vai incentivar a um aumento gradativo de doações de cabelos que já acontece com frequência junto ao Hospital do Câncer de Patrocínio. “A partir de agora temos uma destinação certa para profissionais voluntários, especializados nesse trabalho e totalmente envolvidos com o bem estar do próximo, do paciente, seja ele homem, mulher ou criança. Pessoas que tiveram experiências na própria família e estão verdadeiramente imbuídas com o propósito do voluntariado”, avalia a gestora da unidade de saúde. Para doar qualquer quantidade de cabelo para o Hospital do Câncer de Patrocínio “Dr. José Figueiredo”, basta ligar nos telefones (034) 3831-9797 ou 3831-9792 onde o interessado será devidamente orientado como melhor proceder.

Luiz Cabral/ASCOMHCP

Notícias relacionadas

Hospital do Câncer recebe doação de campanha da On... Na manhã da última sexta-feira (16) diretores, colaboradores e voluntários do Hospital do Câncer de Patrocínio “Dr. José Figueiredo”, recepcionaram os...
Unidade Móvel do Hospital do Câncer volta atender ... Entre essa quinta e sexta-feira, dias 3 e 4 de novembro respectivamente, a Unidade Móvel do Hospital do Câncer de Patrocínio “Dr. José Figueiredo”, vo...
HC de Patrocínio recebe fraldas doadas por funcion... Poder judiciário realizou campanha e doou 107 pacotes dentro das atividades do ‘Outubro Rosa’ Ao longo do mês, o Judiciário realizou uma campanha p...
Pacientes do HC estarão mais confortáveis Os pacientes que necessitam tomar seções quimioterapia entre outras intervenções, a partir de agora, estarão em um ambiente ainda mais confortável. Em...